Rodado entre os anos de 2007 a 2010, Nos Tempos da São Bento é um documentário que busca a memória coletiva do hip-hop. Um dos intuitos é resgatar a memória daqueles que fizeram a História do Hip-Hop, ocupando por vários anos o espaço do Metrô São Bento, no centro da cidade de São Paulo. Minuciosa, a estrutura discursiva nos leva ao conflito com o esquecimento; o ato social de se apagar fatos, pessoas e grupos da história. É justamente este conflito, apresentado através do exercício da narrativa, que se transforma em ação dramática, onde a personagem principal é a memória coletiva.

segunda-feira, 23 de novembro de 2009

Dia 22/11


Na data que dá título a esta postagem tivemos o prazer de comparecer a Batalha Final, evento organizado por Rooney Io Io. No local fomos em busca de novos depoimentos.
Começamos entrevistando B.boy Tcheba, que frizou a importância da Estação São Bento em sua vida. Em seguida batemos papo com PMC. Este contou sua chegada em Sampa -lembrado que PMC é mineiro de Juíz de Fora- e sua interação com o local. Esperamos poder contar com sua música na trilha sonora. Dj Alan Beat com todo seu carisma nos contou sobre a formação de algumas crews que protagonizaram a cena, junto estava o B.Boy Hélio atuante desde 1983.
Moleke Freak, ou Moleke de Itú como é carinhosamente chamado, não é somente b.boy, mas uma caixa de informações e nos emocionou com detalhes riquíssimos. Com tantos dados memorizados Moleke pretende nos próximos meses escrever um livro. Aguardamos anciosos!!!!
Momento mágico foi encontrar uma pessoa que deixou saudades para muitos quando foi embora do Brasil, ninguém esperava encontrá-lo; eis que vimos o B.Boy PEX (Cães de Rua) que deixou conosco seu registro. Junto com ele cnversamos com Dj Flip que veio do Ceará. Dj Alan também gravou e junto com André (Dinamc Leg's)falou dos tempos de Renegados.
No final do dia conversamos com os irmãos de talento inefável, Os Gêmeos. Muitos se emocionaram durante a entrevista.

Um dia maravilhoso que enrriqueceu nossas mentes e com certeza emocionará a todos.


Guilherme Botelho (Dj Guinho)

Um comentário:

  1. Alguém sabe do Tcheba (B.boy Tcheba) para prática de aula de Street e dança de rua?

    ResponderExcluir