Rodado entre os anos de 2007 a 2010, Nos Tempos da São Bento é um documentário que busca a memória coletiva do hip-hop. Um dos intuitos é resgatar a memória daqueles que fizeram a História do Hip-Hop, ocupando por vários anos o espaço do Metrô São Bento, no centro da cidade de São Paulo. Minuciosa, a estrutura discursiva nos leva ao conflito com o esquecimento; o ato social de se apagar fatos, pessoas e grupos da história. É justamente este conflito, apresentado através do exercício da narrativa, que se transforma em ação dramática, onde a personagem principal é a memória coletiva.

terça-feira, 16 de fevereiro de 2010

BreakMania

Dj Residente do Master Crew, uma das maiores festas de Hip-Hop do Brasil, converasmos com Dj Alan. Já é a segunda vez que conversamos com ele, só que desta vez estivemos em sua casa. Muita informação e muita simpatia. Gostariamos de agradecer pelo arquivo em fotos e vídeos que o Dj concedeu para a equipe deste documentário.

Um comentário:

  1. Pois é - aqui no Rio, vê aê:
    http://tododiaumtextonovo.blogspot.com/search?updated-max=2010-02-05T14%3A12%3A00-02%3A00

    A galera aki não teve uma estação São Bento, é verdade. Mas o Hip Hop aki foi também seu tempo: logo passou pro funk, por foi asim que se falava sobre isso. Um ponto entre os baile black, cheio das melôs, e a originalidade do brek Zuu Nation - na dança poucos resistiram: a GBCR taê, ó! Nos bailes sempre teve b.boy no palco, aiás, ainda tinha palco no in´cio dos anos 90! Depois cabô, já era!
    As coisas mudam, como disse o GOG no tarja preta. Mas demorô, aki é Rio, aê São Paulo, força primeira no rap nacional! Valeu velha guarda! Leitores acíduos nessa ponte!

    1 braço
    poeta xnd

    ResponderExcluir